CAMADAS

As camadas de histórias são as marcas das diferentes vivências e percepções da população na cidade. São as formas de se expressar, as memórias, tradições, mudanças e permanências sociais, culturais e do espaço. Ao explorarmos o passado através dessas camadas, podemos observar como a cidade é estruturalmente desigual, com diferentes formas de se viver e se apropriar do espaço urbano. Grandes reformas urbanas, feitas passando pela vida das pessoas e da cidade como um rolo compressor do dito progresso. Um espaço onde o direito à vida urbana e dignidade da população, se transforma em um cenário para conflitos sociais.

Observamos que apesar desses grandes acontecimentos as pessoas fazem e refazem a cidade. Essas decisões, no entanto, permanecem até hoje nas mãos de poderosos que pensam em lucro e ignoram, muitas vezes, as reais necessidades dos habitantes. Além disso, vemos uma preocupação com a imagem construída da cidade, que muitas vezes mascara a realidade de quem a habita. Destruição de espaços centenários, com alto valor cultural, de memória e de história, para a construção de uma cidade nos moldes importados, que pouco representa o povo que ali vivia. 
Template developed by Confluent Forms LLC; more resources at BlogXpertise